Conjunto Musical Gilez

Os Anos Dourados foram reluzentes demais para serem esquecidos.

16.4.07

Travessuras em série

Nossa incursão pela Sétima Arte foi extensamente documentada, mas não por mim. Estive muito ocupado rindo dos outros que passaram por maquiagem e cabelo. Sem um pingo de autocrítica, achei todos os meus companheiros de banda muito engraçados. Talvez seja para facilitar as piadas eles não coloquem muitos espelhos no set de filmagens.

Mas pouca coisa este ano foi tão divertida quanto participar, ontem, do filme Dias e Noites e ver como dá trabalho fazer cinema.

Esta é a primeira de uma série de postagens que comprovarão que eu tive motivos pra rir a noite inteira. Para começar, o Tiago foi obrigado a tirar a barba. Acima, os últimos momentos dele ainda barbudo.

1 Comments:

  • At 5:15 PM, Blogger maria said…

    e eu adorei ser figurante do show de vocês na casa do amigo dan. como dizem... "cinema é a arte de esperar". mas foi demaaaais! bj, maria paula

     

Postar um comentário

<< Home

|